Páginas

12 agosto 2017

Rio Grande do Norte chega à marca de 1.500 homicídios em 2017

Um homem suspeito de tráfico de drogas foi morto em confronto com a Polícia Militar na noite desta sexta-feira (11), no loteamento José Sarney, na Zona Norte de Natal. O bandido era apontado como um dos líderes do tráfico na região. A morte foi a de número 1.500 no Rio Grande do Norte no ano.

Segundo dados do Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO), o Rio Grande do Norte está com média diária de 6,76 homicídios. O número corresponde a 25,2% a mais do que o mesmo período de 2016, quando foram computadas 302 mortes a menos do que em 2017. Se comparado a 2015, quando 965 pessoas foram mortas no mesmo período, a diferença é de 635 mortes.

Ainda de acordo com informações coletadas pelo OBVIO, Natal lidera a lista de cidades potiguares com mais mortes, somando 392 homicídios. A maior parte dos crimes ocorreu na zona Norte, com 150 homicídios, enquanto a Zona Oeste somou 124 assassinatos, 51 na zona Leste e 43 na zona Sul, além de quatro mortes em hospitais.

No interior, Mossoró é a cidade com mais mortes: 150 ao todo. Ceará-Mirim vem em seguida, com 105, enquanto Parnamirim teve 93 assassinatos, 67 em São Gonçalo do Amarante e 59 em Macaíba.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...